email para contactos:
depressaocolectiva@gmail.com

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Manual de autodestruição ( 8)

Faz   tudo o que te apetecer. O teu terapeuta retribuirá com um desconto.
Já o farmacêutico não digo nada.

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Manual de autodestruição ( 6)

Quando te acontecer,  não esqueças do "que mal fiz eu? "
Já  dizia o cardeal  de Retz: o bem dá muito trabalho, o mal faz-se sem esforço.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Manual de autodestruição ( 5)

Recebido por email:

O Tomás e a Licas : adoro-os, mas dão-me imenso trabalho, quase não tenho vida pessoal. Por vezes exaspero-me com as brincadeiras constantes, as bulhas, enfim... O meu marido, depois, também não me ajuda, diz que a mãe sou eu.
A verdade  é que se ficam doentes não descanso enquanto o veterinário não  diz que está tudo bem.

Manual de autodestruição ( 4)

Nunca esqueças , nunca perdoes.
Guarda  tudo num necessaire preto com  bom fecho  de correr. Se te disserem que  terás uma vida de carrasco, mostra-lhes o capuz. Preto.

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Manual de autodestruição ( 3)

Apaixona-te. De preferência  pela sua inteligência e sensibilidade.
São coisas que ninguém disputa nos divórcios.

Manual de autodestruição ( 2)

Deseja que o teu filho seja tudo o que não foste.
Não te poupes a figuras tristes, elas são o ingrediente secreto.